Archive for Fevereiro 13th, 2012

13 Fevereiro, 2012

NOTAS BIOGRÁFICAS PENDENTES

NOTA: Estas notas biográficas encontravam-se já em atraso na anterior versão do blogue. Foram importadas para aqui, com a intenção de serem completadas e passarem para o índice definitivo que agrupará todas as entradas sob forma de um dicionário. Cada vez que é feita uma nova nota biográfica, isso não significa que esta esteja completa, mas sim que se abriu uma espécie de “pasta” que recolherá toda a informação biográfica disponível. Na sua origem pode haver uma referência num livro ou jornal, uma necrologia, ou um artigo, ou até informação obtida junto de familiares e amigos. A partir dessa ponto inicial, a “pasta” estará sempre aberta.

Renovo a todos o apelo para o envio de todas as informações biográficas, sobre estes e outros nomes, de militantes de qualquer organização da oposição, ou opositores individuais ao regime ditatorial do Estado Novo.

A

Carlos Silva Almeida (Alvaiázere, 1923 – Rio de Janeiro, 2003)

João Grilo de Almeida (Gouveia, 1943 – Seia, Janeiro? 2004)

Manuel Alves (1913 – Novembro / 2006) – Mineiro, emigrada nas Astúrias combateu nas Brigadas Internacionais na Guerra Civil de Espanha.

Osvaldo Azenha (1924- Barreiro, 18/11/2004)

Virgílio Azevedo (1956 – 2004)

B

 Maria Fernanda de Sousa Barroso (1945 – 13/6/2006) – Engenheira, activista estudantil, militante e dirigente comunista, companheira de Álvaro Cunhal.

C

Eurico da Conceição Caçoreio ( 1923 – Portimão, Setembro? /2006) – Contabilista, membro do MUDJ e depois do 25 de Abril do PCP, autarca e sindicalista.

António Joaquim de Campos (1924 – Albufeira, 31/7/2004)

João Pedro Capão (1923 – Torres Vedras, 11/12/2004)

Mário Sottomayor Cardia (Matosinhos, 19/5/1941- Lisboa, 17/11/2006) – Professor, filosofo, militante comunista e depois socialista, deputado e ministro do PS, autor de várias obras de refelxão política e filosófica.

Lino de Carvalho (Leiria, 1946 – 2004)

Vasco de Carvalho ( 25/6/1909 – 2006) – Engenheiro, militante e dirigente comunista nos anos trinta, expulso em 1941.

António Teixeira da Silva e Castro (Fafe, 15/1/1928 – 22/8/2004)

Orlando da Costa (Lourenço Marques, 1929 – Lisboa, Janeiro/2006)  – escritor, militante comunista desde a década de cinquenta.

Rui Emanuel da Cunha Clímaco (1920 – 13/7/2006) – Médico, militante comunista desde os anos quarenta, membro da Redacção da Vértice e da Comissão Nacional de Socorro aos Presos Políticos.

D

E

F

Aníbal de Figueiredo (Alcochete, 1926 – 23/11/2004)

António Figueiredo (Figueira da Foz, 1929 – Londres, Novembro 2006) – Jornalista em Moçambique e depois no exílio em Londres, membro activo da candidatura de Humberto Delgado e autor de vários livros.

G

Abel Mendes Ginja (1923 – 19/12/2003)

Alfredo Pereira Gomes (Espinho, 1919 – Lisboa, 29/11/2006) – Matemático e professor, militante comunista e depois da oposição, exilado durante vários anos.

Apolinário Gonçalves (Espinho, 1916 – 1/1/2004)

Armindo do Amaral Guimarães (? – Dezembro 2004)

H

-Mário Ventura Henriques (Lisboa, 1936- 16/6/2006) – Escritor, militante comunista.

I

J

– Rui Lima Jorge (1943 – Porto, Outubro / 2006) – Jornalista, militante comunista, depois da Renovação Comunista.

– Joaquim José (? – 22/12/2006) – Emigrante no Brasil, militante comunista na emigração.

José Brites de Jesus. (1920 – Vila Franca de Xira, 11/12/2004)

António Domingues Jubileu (Marinha Grande, 1907 – 24/9/2004)

K

L

-Manuel Lopes (Póvoa de Varzim, 1943 – Setembro /2006) – Bibliotecário, militante comunista, autor de vários estudos de história local.

Orlando Simões Lopes (1930 – Julho-2004)

Ilse Losa (1913 – Porto, Janeiro / 2006) – Escritora de origem judia alemã, exilada em Portugal.

João Domingos Loureiro (1917 – Amora, 28/8/2004)

José Lourenço (Ermidas – Santiago do Cacém, 1920 – 17/12/2003)

M

Fernando Boiça da Silveira Mesquita ( Alcobaça, 1925 – 7/1/2004)

N

Orlando Neves (Portalegre 11/9/1935- 24/1/2005)

O

 Álvaro Veiga de Oliveira (s. João da Pesqueira, 1929 – Lisboa, 24/8/2006) – Engenheiro, militante comunista e funcionário clandestino, preso e exilado, autor de vários textos de ficção.

Saúl Manuel Oliveira (Vila Franca de Xira,? – Janeiro 2004)

P

Antonio Páscoa (1912 – Venda Nova, 12/11/2004)

Libertário Pinto (1945 – 2006) – militante comunista desde antes do 25 de Abril, activista da JOC em Pedrouços, ao MJT, à CNSPP, e fundador da Intersindical.

Q

 Glicínia Quartin (1924 – 2006) – Actriz, activista do MUDJ.

Hélio Vieira Quartin (Lisboa, 21/11/1916 – Almada, 25/12/2003)

R

Artur Ramos (Lisboa, 20/11/1926 – 9/1/2006) – Encenador e realizador, militante comunista.

Manuel Ramos (16/2/1920 – Porto, Novembro / 2006) – jornalista, oposicionista, depois do 25 de Abril deputado na Constituinte.

Arnaldo Albano Lourenço Rocha (Santa Iria da Azóia, 1928- 3/1/2004)

S

Manuel João Martins Sanches (1924 – Canadá, 22/12/2003)

José Expedito dos Santos (1936 – Brasil, Dezembro, 2004)

 José Gregório da Encarnação dos Santos (Lagos, 1917 – Sines, Dezembro / 2006) – Pescador, militante do PCP desde 1945, activista nas greves de Sines de 1946.

João Cunha Serra (1919- 18/1/2005)

T

U

V

 José Vieira (Resende, 1921 – Fevereiro/2006)  – Militante comunista desde 1944, ligado à distribuição do Avante!, e autarca em Lordelo do Ouro.

W

X

Y

Z

Anúncios
13 Fevereiro, 2012

ARTIGO SOBRE GEORGETE FERREIRA EM MUJERES, 8 (1961)

NOTA: previamente publicado no EPHEMERA

.

13 Fevereiro, 2012

NOTAS BIOGRÁFICAS – ANTÓNIO VICENTE CALÇÃO (Montemor-o-Novo, 21/10/1923 – 2005)

Trabalhador rural. conhecido pela alcunha do “Cara lavada”. Membro do PCP desde 1945. Foi preso em 1947 por “aliciamento às greves”. e uma segunda vez logo em seguida  pela PIDE e condenado a vários anos de cadeia sendo libertado definitivamente em 1956. Depois de reformado, continuou a sua actividade partidária e era membro da Comissão de Sede do Centro de Trabalho local.. O seu pedido de pensão ao abrigo dos serviços prestados a favor da liberdade  foi recusado pelo despacho 1062/2005 do Ministro da Presidência Silva Pereira (Diário da República, II série, 239, 15 de Dezembro de 2005).

FONTES:

Avante!, 25 de maio de 2005.

ANTT:

PT/TT/PIDE/E/010/89/17679

PIDE, Serviços Centrais, Registo Geral de Presos, liv. 89, registo nº 17679

13 Fevereiro, 2012

NOTAS BIOGRÁFICAS – LUÍS NUNO PINHEIRO DE AZEVEDO (Lisboa, 16/1/1925 – 26/6/2011)

Advogado desde 1948, ligado ao PCP, mas activo nos movimentos “unitários”.  Como advogado, foi o defensor (junto com os seus colegas de escritório Levy Baptista e José Lopes de Almeida) de muitos perseguidos e presos pela PIDE. A sua actividade estendeu-se à Comissão Nacional de Socorro aos  Presos Políticos, que praticamente funcionava no seu escritório de advocacia.  Depois do 25 de Abril, foi o advogado de muitas causas ligadas à esquerda comunista e aos seus companheiros de estrada, defendendo as cooperativas da Reforma Agrária, os militares afastados no 25 de Novembro, inclusive o Marechal Costa Gomes num processo movido pelo  Eng.° Jorge Jardim. Foi um impulsionador da  URAP União de Resistentes Antifascistas Portugueses), da Associação Portuguesa dos Juristas Democratas, e de uma  Fundação Internacional Racionalista (FIR), a que se dedicou “como pessoa que não aceitava quaisquer religiosidades ou misticismos“. Foi proposto como candidato “progressista” a Bastonário da Ordem dos Advogados, entidade que veio mais tarde a homenagear a sua carreira no foro.

 Militou no MDP/CDEl e depois na Associação Intervenção Democrática que ajudou a fundar e  de que foi Presidente da Assembleia Geral. Apoiante da revista Seara Nova teve papel activo na tentativa de a salvar através da criação de uma cooperativa e da transferência da sua propriedade para a Intervenção Democrática.

FONTES:

Avante!,  30 Junho 2011.

OA, Boletim da Ordem dos Advogados, 79-80, Junho-Julho 2011.

Seara Nova, 2011.

ANTT:

PT/TT/PIDE/E/010/133/26427

PIDE, Serviços Centrais, Registo Geral de Presos, liv. 133, registo n.º 26427

13 Fevereiro, 2012

NOTAS BIOGRÁFICAS – ANTÓNIO TABORBA DE ALVES FREITAS (Viana do Castelo, 1924 – 30/5/2005)

Membro do PCP desde a década de 60. Trabalhador dos ENVC, em cujas lutas participou,  foi depois proprietário de uma escola de dactilografia, e empregado comercial. No seu salão da escola de dactilografia, entretanto extinta, fez-se uma passagem clandestina do filme Couraçado Potemkin, comentado por Ribeiro da Silva. Segundo António Faria, “o dr. Ribeiro da Silva tentou exprimir (…) o valor transcendente que este inédito caso representou para todos os comunistas do universo“. Segundo o Avante!a sua casa foi ponto de apoio para os militantes comunistas na clandestinidade.

Logo a seguir ao 25 de Abril, é despedido do estabelecimento comercial onde trabalhava devido ás suas opiniões políticas, sendo  vereador na primeira Comissão Administrativa da Câmara e militou na Comissão Concelhia de Viana do Castelo, tendo tido cargos de direcção regional e concelhia.

FONTES:

Avante!, 23 de Junho de 2005.

Depoimento em Euclides Rios (Coord.), “Episódios da luta antifascista em Viana do Castelo”, Cadernos Vianenses, 26, 1999.

13 Fevereiro, 2012

NOTAS BIOGRÁFICAS – FRANCISCO RAÚL FIGUEIREDO DOS SANTOS (1946 – Porto, 8/7/2011)

Trabalhador da fábrica Alumínia, fez parte da célula do PCP da fábrica, participando nas lutas sociais antes e depois do 25 de Abril. Em 1975, “bateu-se corajosamente em defesa das instalaçöes do PCP e da USP-CGTP“. Foi dirigente do Sindicato dos Metalúrgicos do Porto. Nos últimos anos da sua vida, já muito debilitado, militava na sede da organização do Porto do PCP.

FONTE:

Avante!, 14 de Julho de 2011.

13 Fevereiro, 2012

PROGRAMA DAS COMEMORAÇÕES DO CENTENÁRIO DE ALVES REDOL

FONTE: António Alves Redol

A comemoração do Centenário de Alves Redol continua:
– Dia 16/02 às 23,30h na RTP2 – 2ª exibição do filme de Francisco Manso
“Alves Redol – Memórias e Testemunhos”.
– 07/02/2012 – 28/02/2012 : Na Biblioteca João Paulo II, da Universidade Católica, em Lisboa,
exposição itinerante sobre Alves Redol, acompanhada da exposição de documentos originais nunca mostrados de projectos não concretizados: peça de teatro incompleta; guião do filme “Seara Negra” – nunca realizado ; guião do estudo intitulado “O Tejo / História dum Rio”, previsto para város autores – nunca realizado ; plano do romance “Leão Sagrado”, depois “O Lago das Viúvas”, nunca publicado; 4 versões diferentes de um mesmo texto deste romance; cartas dos escritores Ferreira de Castro, Jorge Amado, André Parraux (Secretário da Union Française Universitaire em 1946)(na posse da família) e de edições de livros do autor existentes nesta Biblioteca.
– Exposição itinerante em escolas de Albufeira, Silves, Portimão, Faro.
Concurso para Escolas Secundárias: Diálogos Imaginários Manuel da Fonseca/ Alves Redol – Plano Nacional de Leitura
– Exposição “Horizonte Revelado”, no Museu do Neo-Realismo, até 12 de Março
13 Fevereiro, 2012

NOTAS BIOGRÁFICAS – FILIPE ALEXANDRE MAURÍCIO (Sobral de Monte Agraço, ? – 2011)

Membro do PCP, trabalhou no sector comercial da tipografia Casa Portuguesa. Segundo o Avante!nestas funções e em numerosas circunstâncias, antes do 25 de Abril de 1974 deu um importante contributo e apoio a actividade do PCP e da oposição democrática em geral.” Esta tipografia, a mais antiga de Portugal, publicava vários jornais e edições, com ligações à oposição, como o Diário Ilustrado, e o trabalho nas condições impostas pela Censura  criava uma grande politização dos tipógrafos. Depois do 25 de Abril, foi administrador da empresa Heska Portuguesa (1975), a tipografia que representou um dos contributos da RDA para o PCP, e onde se publicou o Diário, o Avante! e todas as publicações do universo de organizações comunistas (Militante, Juventude, Mulheres, Poder Local , Revista Internacional, etc.). Foi candidato autárquico e “desempenhou ainda numerosas tarefas no PCP ligadas aos seus organismos  executivos“.

FONTES:

Avante!, 14 de Julho de 2011.

Álvaro Magalhães dos Santos, Histórias  da Publicidade

13 Fevereiro, 2012

NOTAS BIOGRÁTICAS – ALBERTINO DIAS TEIXEIRA (Alverca do Ribatejo, 2/2/1925 – 2011)

 

 

 

Operário, membro do PCP desde 1952. Preso entre 1958 e 1963 em Caxias e em Peniche.  Depois do 25 de Abril, foi um dos fundadores do Centro de Trabalho de Arcena, de cujo núcleo local do Bom Sucesso pertencia,  e foi  Presidente da Casa do Povo local.

 

FONTES:

Avante!, 27 de Janeiro de 2011.

ANTT

PT/TT/PIDE/E/010/116/23167

PIDE, Serviços Centrais, Registo Geral de Presos, liv. 116, registo n.º 23167

13 Fevereiro, 2012

NOTAS BIOGRÁFICAS – ROSENDO CUSTÓDIO FERNANDES (Sines, 1927 – 2011)

Pequeno comerciante de Sines, participou na oposição ao regime do Estado Novo e foi membro do MUDJ. Membro do PCP depois do 25 de Abril, tendo participado nas listas de candidatos da CDU

FONTES:

Avante!, 27 de Janeiro de 2011.

Listas da CDU em Sines.

13 Fevereiro, 2012

NOTAS BIOGRÁFICAS – FERNANDO ANTUNES CANAIS (Torres Novas, 1935 – Leiria, 2011)

Militante do PCP desde 1960. Preso em 1961, passou pelas cadeias de Caxias e Peniche, e foi libertado em 1967. Saiu da sua terra natal para Leiria, onde foi técnico metalúrgico na Cerâmica do Lis. Depois do 25 de Abril teve vários cargos autárquicos (vereador na Comissão Administrativa da Câmara de Leiria (1974-6), membro da Assembleia Municipal de Leiria, da Assembleia de Freguesia de Marrazes). Como membro do PCP fez parte  da Comissão Concelhia (1974-2003) , da DOR de Leiria e da Comissão Promotora das Comemoracöes do 25 de Abril, sendo muito activo na Festa do Avante!.

FONTES: 

Avante!, 13 de Outubro de 2011.

Região de Leiria, 14 de Outubro de 2011.

ANTT – PT/TT/PIDE/E/010/124/24661

ANTT – PIDE, Serviços Centrais, Registo Geral de Presos, liv. 124, registo n.º 24661